Caminhada - Bairros Antigos de Lisboa e visita ao Panteão
Jul. 03

Caminhada - Bairros Antigos de Lisboa e visita ao Panteão

Caminhada - Bairros Antigos de Lisboa e visita ao Panteão

 

Caminhada - Bairros Antigos de Lisboa e visita ao Panteão

Comprar Bilhetes
Por Favor Efetue a Autenticação para Adquirir Bilhetes para este Evento.
Carregando mapa...
  • Panteão Nacional:

    Panteão Nacional é um título dado oficialmente a dois edifícios distintos: a Igreja de Santa Engrácia, em Lisboa, e a Igreja do Mosteiro de Santa Cruz, em Coimbra.Frequentemente essa designação é aplicada apenas ao edifício lisboeta que iremos visitar. A 31 de Março de 2016 foi aprovada, na generalidade, pela Assembleia da República a concessão do estatuto de Panteão Nacional ao Mosteiro dos Jerónimos, em Lisboa.

    Criado por Decreto de 26 de setembro de 1836, o Panteão Nacional destina-se a homenagear e a perpetuar a memória dos cidadãos portugueses que se distinguiram por serviços prestados ao País, no exercício de altos cargos públicos, altos serviços militares, na expansão da cultura portuguesa, na criação literária, científica e artística ou na defesa dos valores da civilização, em prol da dignificação da pessoa humana e da causa da liberdade ..

    Entre as personalidades ilustres que aí estão sepultadas, encontramos sobretudo presidentes da República e escritores. As excepções são Humberto Delgado, Eusébio da Silva Ferreira e a fadista Amália Rodrigues. Os restos mortais da fadista foram trasladados depois de se alterarem as disposições legais que apenas permitiam a trasladação para o Panteão Nacional quatro anos após a morte.

    As personalidades sepultadas são:

    Almeida Garrett (1799-1854), escritor e político;

    Amália Rodrigues (1920-1999), fadista;

    Aquilino Ribeiro (1885-1963), escritor[8] [9] [10] ;

    Eusébio da Silva Ferreira (1942-2014), futebolista;

    Guerra Junqueiro (1850-1923), escritor;

    Humberto Delgado (1906-1965), opositor ao Estado Novo;

    João de Deus (1830-1896), escritor;

    Manuel de Arriaga (1840-1917), presidente da República;

    Óscar Carmona (1869-1951), presidente da República;

    Sidónio Pais (1872-1918), presidente da República;

    Sophia de Mello Breyner Andresen (1919-2004), escritora;

    Teófilo Braga (1843-1924), presidente da República.

    Mouraria:

    A Mouraria é um dos mais tradicionais bairros da cidade de Lisboa, que deve o seu nome ao facto de D. Afonso Henriques, após a conquista de Lisboa, ter confinado uma zona da cidade para os muçulmanos. Foi neste bairro que permaneceram os mouros após a Reconquista Cristã. Por sua vez, os judeus foram confinados aos bairros do Castelo.

    Alfama:

    AAlfama é o mais antigo e um dos mais típicos bairros da cidade de Lisboa. Actualmente, abrange uma parte da freguesia de Santa Maria Maior e outra da freguesia de São Vicente. O seu nome deriva do árabe al-hamma (الحمّة), que significa banhos ou fontes.

    As vistas mais espectaculares sobre Alfama têm-se do passeio público formado pelos miradouros das Portas do Sol e de Santa Luzia. Por cima e envolvendo Alfama ficam a colina do Castelo de São Jorge, fortaleza e palácio real até ao século XVI, e a colina de São Vicente. Para além do Castelo, os principais monumentos da zona são a Sé, a Igreja de Santo Estêvão e a Igreja de São Vicente de Fora.

    Alfama é um bairro muito peculiar em se assemelhar a uma antiga aldeia não só em aspecto como por ter uma comunidade relativamente pequena e próxima. O bairro é frequentado diariamente por turistas portugueses e estrangeiros, sendo considerado como o mais seguro de toda a cidade de Lisboa. É conhecido pelos seus restaurantes e casas de fado, assim como pelos festejos dos Santos Populares, em especial na noite de Santo António, de 12 para 13 de Junho.

    Bairro Alto:

    O Bairro Alto é um bairro antigo e pitoresco no centro de Lisboa, com ruas estreitas e empedradas, casas seculares, pequeno comércio tradicional, restaurantes e locais de vida nocturna. Construído em plano ortogonal a partir do início do século XVI, foi conhecido como Vila Nova de Andrade.

    O seu planeamento e construção estão ligados ao maremoto do Sismo de Lisboa de 1531, conforme atesta Joaquim José Moreira de Mendonça

    Tenho certeza por documentos autênticos que ainda depois daquele ano se erigiram todas as ruas do Bairro Alto, que ficam para fora das Portas de Santa Catarina e Postigo de S. Roque (...)

    É delimitado a Oeste pela Rua do Século, a Este pela Rua da Misericórdia, a Norte pela Rua D. Pedro V e a Sul pela Calçada do Combro, Largo do Calhariz, Rua do Loreto, e Largo de Camões. O Bairro Alto está totalmente integrado na freguesia da Misericórdia .

    Desde os anos 80 que é a zona mais conhecida da noite lisboeta, com inúmeros bares e restaurantes, a par das casas de fado. Ali se situavam também até aos anos 70-80 do século XX numerosos órgãos de imprensa. Desde então, adquiriu uma vida muito própria e característica, onde se cruzam diferentes gerações na procura de divertimento nocturno.

    LOCAL E HORA DO ENCONTRO: Em frente à estação de comboios do Rossio, junto ao café Starbucks

    Mapa do local do Encontro: Seguir ligação

    Hora do Encontro: 10h 00m

    Hora prevista para o final: 15h30

    Distância a percorrer: 10 kms

    Nível de Dificuldade: 2+

    Equipamento: Calçado e roupa adequada para caminhadas

    Valor da inscrição: 10€- Se o pagamento for efetuado antecipadamente através da Gateway de Pagamento (Após assinalar a sua inteção de participar deverá efetuar o pagamento, clicando na opção Buy Tickets). Se efetuado até às 18 horas do dia anterior à data do evento, preço contempla um Seguro de Acidentes Pessoais

    Pagamento efetuado na altura: Acresce 2€ ao preço fixado. Não contempla seguro de acidentes pessoais.

  • Categoria
    Viagens
  • Data e Hora
    Jul. 03 2016 at 10:00 AM - Jul. 03 2016 at 07:15 PM
  • Localização e endereço completo
    Lisboa - Estação do Rossio
  • Administradores do evento
    José Palma
Powered by JomSocial